Segunda-feira, 13 de Outubro de 2008
Texto livre da aula do Roberto Pereira. O tema era a crise na Bolsa de Valores.

Não entendo nada de bolsa de valores. Pouco. Entendo pouco. Sei, por exemplo, que hoje não é lá assim dos mehores dias para visitar Wall Street. Pois banqueiros desempregados-- armados com abridores de cartas-- andam a espreitar turistas. Recentemente um turista japonês as teve as suas 32 câmaras digitais roubadas juntamente com os 106 cartões de memória.

É, um banqueiro sem foie gras no prato é como o Cristiano Ronaldo sem um tubo de gel, o eléctrico sem aquele senhor educado sem desodorizante. Um banqueiro incapaz de arcar com os custos do seu foie gras é como o Alberto Jardim com pescoço.

Os meus investimentos são poucos. Invisto na Sagres, na Superbock e também na Heineken.  Mas só invisto na Heineken quando as duas primeiras não estão frescas. E todas as semanas invisto no Euromilhões. Já quase ganhei 60, 80 e 130 milhões respectivamente. Já quase comprei um carro, seis casas e um fígado rosadinho e saudável devido aos meus outros investimentos na Sagres e na Superbock.

Mas, apesar não entender nada de bolsa, entendo que as coisas estão bem mais ou menos. Um dia destes o dono da Zara foi visto a comprar roupas na Zara. O dono da Ikea, a montar os seus próprios móveis. E,   o Bill Gates, bom, esse foi visto a comprar o menu do Subway-- aquele que vem com o saquinho de batatas fritas sabor camponês.

Mas voltemos ao início. A bolsa. Nunca investi. Trocadilhos e estereótipos à parte-- a minha mulher já. Investiu e bem numa Louis Vuitton e numa Bolsa Prada. Esta, que combina apenas com um vestido
azul com bolas laranjas que ela não tem, a parede do quarto de hóspedes e uma outra bolsa idêntica.

A crise na Bolsa. Não entendo. Mas como você pode ver. Quase, compreendo.


publicado por João Silva às 14:35 | link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Marta a 13 de Outubro de 2008 às 16:09
Adorei mais uma vez. Os dois últimos parágrafos são do melhor. :)


De erickrosa a 13 de Outubro de 2008 às 16:46
que bom que você gostou. obrigado. sempre achei complicadíssimo entender a bolsa e economia em geral--até mesmo na hora do troco.


Comentar post

mais sobre mim
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


posts recentes

Isto é indesmentível

Works e-v-e-r-y-t-i-m-e

Não quero saber...

Sketch: "Homem insensível...

Hello...? Anyone...?

Os sketches! Sim, outra v...

Desafio III

Lançamento do Desafio III

Inspirado em "Rússia cort...

Bom Natal!!!

arquivos

Maio 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

actualidade

albatroz!

aula eduardo madeira

bebé

benfica

benfica tv

certidão

comunicados

concurso

cor-de-rosices

cor-de-rosices texto livre

desafio iii

desafio semanal

elogio funebre

escritório

homem

homem do semáforo

ip

jogos olímpicos

jorge catarino

le loup fou

maddie

mãe

mário calado

marta

miguel gomes

morte

nome de blog

non sense

notícias

óbito

parvoíces

pobres

radio

rádio

referências

religião

ricos

rodolfo

sketch

stand up

texto livre

trabalho de grupo

trabalho susana romana

tv

vídeo

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds